Franceses em alta

Fim de semana movimentado.
Tivemos o prazer de receber nossos amigos, por coincidência, Rodrigo e Fernanda (estes são de Brasília) para um excelente bate-papo e ótimos petiscos.
Com isso, os vinhos não podiam ficar atrás. Miramos em alguns dos meus franceses e fomos com tudo.

Iniciamos pelo Barón de Rais, Bordeaux Réserve 2009,da casa La Chapelle Heulin.


Como a maioria dos Bordeaux, este rótulo carrega os aromas da região. Perfumado, percebendo-se frutas vermelhas e flores do campo. Na boca, ligeiramente salgado, com tóneis de carvalho tostados pouco intensos. Equilibrado, mas nada surpreendente. Retrogosto pouco carregado. Esperávamos um pouco mais dele.


Depois, como a conversa estava boa, continuamos a apreciação. Apesar de ainda ter mais um exemplar do Barón, preferimos abrir outro para comparamos.

Fomos para o François Delaville, Bordeaux 2009, casa Castel Frères Vignobles et Châteaux. Composto por 10% de Cabernet Franc, 40% de Merlot e 50% de Cabernet Sauvigon.

Este sim nos impressionou. Bem mais complexo e estruturado que o anterior, este francês tomou conta do ambiente. Extremamente perfumado, notando-se intensamente frutas vermelhas, aromas de charuto e café. Na boca, muito equilibrado, notando-se ainda mais intensamente as frutas, o fumo e o café. Adocicado e bem residual na garganta.

Foi eleito o vinho da noite.

Ambos têm ótimo custo X benefício, sendo adquiridos na Distribuidora Albatroz, Brasília.

Barón de Rais, Bordeaux Réserve 2009 - R$ 27,00
François Delaville, Bordeaux 2009 - R$ 19,00

Boa semana a todos e bons vinhos!
.