Substância encontrada no vinho tinto pode ajudar portadores de diabetes


Pesquisadores concluíram o mais completo estudo sobre os efeitos de um ingrediente de vinho na saúde. E o resultado não poderia ser melhor. Cientistas concentraram sua atenção no composto chamado resveratrol, uma substância do vinho tinto que tem sido associada a um menor risco de diabetes e doenças cardíacas e até mesmo para uma vida mais longa. 


Estes resultados sugerem que o resveratrol pode melhorar a saúde cardíaca ao diminuir os níveis de colesterol e também funcionar como um antioxidante, excluindo perigosos radicais livres que podem promover bloqueio nos vasos do coração.

Junto com sua equipe, Patrick Schrauwen, professor de biologia na Universidade de Maastricht, na Holanda, decidiu aprofundar os estudo em relação aos efeitos metabólicos do resveratrol. Os pesquisadores designaram aleatoriamente 11 homens para tomar 150 mg de resveratrol ou um placebo durante um mês.

Após 30 dias, os homens que ingeriram o composto mostraram os mesmos tipos de melhoras observadas em estudos anteriores realizados em animais. De fato, seus perfis metabólicos pareciam de pessoas que mantêm dietas de restrição calórica.

A descoberta poderia apontar para uma nova maneira de melhorar a saúde, sem a necessidade de uma dieta radical, ajudando milhões de pessoas com diabetes e doenças de coração.

No entanto, é muito cedo para especular sobre como suplementos de resveratrol podem
afetar a vida humana. O que se sabe, até agora, é que um cálice de vinho por dia já é mais do que provado que só faz bem à saúde.

Por Gardênia Cavalcanti
.