Brasil exporta 30% a mais em 2011


Com o aumento da qualidade dos vinhos nacionais, o resultado logo apareceu. O ano de 2011 gerou um crescimento de 30% neste mercado, em relação ao ano anterior, permitindo inserir o Brasil ainda mais na lista de grandes produtores e grandes vinhos. De acordo com a Wine of Brasil, estas exportações chegam próximas a US$ 3 milhões, ampliando também para 31 mercados atendidos com o produto brazuca.
Devido ao planejamento de 2009, o aumento de oito novos mercados foi possível. Realizamos neste ano 41 ações promocionais do produto nacioanal, dentro e fora do país, afirmou a gerente de Promoção Comercial do Wine of Brasil (Wob), Andreia Gentilini Mila.
Incrementando este aumento, dois novos produtores também entraram para a lista de exportadores: Basso e Don Giovanni. Dentre os exportadores, a Miolo se destacou, elevando para 38,5% suas exportações e esteve presente em 21 países. Seguinda de perto, a Miolo tem as vinícolas Aurora, Casa Valduga, Lídio Carraro e Salton. O produto nacional tem se destacado principalmente na linha premium, tendo como principal comprador a Holanda.
Vamos esperar que eventos como a Copa do Mundo e Olimpíadas promovam ainda mais o país e desta forma que o vinho nacional continue, ano a ano, superando suas marcas.

Fonte: Netmarinha


.