O Doyles é um restaurante super convidativo, à esquerda do Beach Club. Os preços eram muito bons e o cardápio bem elaborado com muitos frutos do mar e carnes vermelhas.


Espanta a simplicidade e objetividade das construções em Sydney, os bares e restaurantes mesmo são um espetáculo a parte... Enquanto no Brasil pagamos caro, e somos mal servidos à Beira Mar, lá viver na costa é corriqueiro, e servir bem é uma obrigação. Fica a dica para Florianópolis - especialmente que nunca teve um turismo nem sequer semi-profissional.


Escolhemos o Beach Club que foca logo depois do Wharf, era na tarde o único aberto depois das 17:00. Muito bem resolvido em frente à praia, realmente um astral de clube mas com preços super convidativos.


Peçam a sangria, que é leve e preparada com vinho tinto e espumantes, fora diversas frutas super frescas e de sabor inigualável - nenhum fruta no Brasil é tão saborosa quanto as Australianas. Dica para quem viaja: comece provando os Morangos...


Como chegar?

Pegue o Ferry no Circular Quay e vá pingando por toda a baia... Na volta, pode ir andando para a City (CBD), porém só conseguimos ir até a Rose Bay e lá pegamos um ônibus para o Circular Quay para enfim entrarmos em um Ferry para Manly.





Acre: Com gosto de vinagre devido ao excesso de Ácido Acético. É um defeito, não uma qualidade ou caraterística.

Acre: Estado Brasileiro que dizem existir. Tenho um amigo que diz ter vindo de lá, nunca me mostrou um documento comprovando... Será?




O Evento Food Truck chega à São José na Grande Florianópolis.

Uma fila com 14 Trucks estacionarão na Beira Mar de São José formando uma fila gastronômica com praticamente todos tipos de comida e bebida - de sofisticados wraps com chá gelado, passando por hamburgers, cerveja e churrasco até a boa e velha combinação de caldo de cana com pastel. Será um prato cheio para todos os gostos no dia 07 de Fevereiro das 4 da Tarde às 10 da Noite.


Além da festividade gastronômica dos Truckers, o evento contará com música sobre rodas incluindo atrações como o DJ Fernando Gallo e a Escola de Samba Futsamba Josefense, a cobertura fotográfica da Bebideria.com.br que publicará as melhores fotos aqui (confira a cobertura do Food Truck Florianópolis do ano passado) e diversas outras atrações.

Ajudem a evitar filas e engarrafamentos. Venham à pé ou de bicicleta preferencialmente e cheguem cedo. Estacionem nos locais corretos e finalmente para auxiliar no atendimento tragam dinheiro trocado e moedas. Os Truckers e público agradecem!

Lista dos Truckers do Primeiro Food Truck de São José:
Contato:
contato.ajotruck@gmail.com
48-9148 8145 - com Arielli
www.facebook.com/ftsaojose 

 Engarrafado na propriedade, engarrafado pelo produtor: É o vinho que foi engarrafado na mesma propriedade em que foi produzido. Na língua Inglesa se utiliza "state bottled", em Francês "mis en bouteille ai château" ou "mis en bouteille à la propriété", em Italiano "imbottigliato dal produttore" ou "infiascato in fattoria".

Portanto atenção aos rótulos e não se deixe enganar!

Dica para quem vai à Sydney na Austrália e é apaixonado por Cerveja: A 4 Pines Brewing que fica na praia de Manly, logo em frente ao Manly Ferry Wharf - ou Pier para os Brazucas...


O ambiente é muito bem projetado e aconchegante, e serve cervejas artesanais de fabricação própria e outras marcas também - algo bem frequente na Austrália, nada de reserva de mercado Brasileira com apenas UM CHOPP. Lá os donos de bar e a freguesia têm gosto por uma diversidade de cervejas e não ficam refém de uma marca apenas. É bem comum diversas tiradoras Chopp de todas marcas lado a lado.


Na 4 Pines eles fabricam diversos tipos de Chopp, Ales, Stout, Pilsener e por aí vai. Existe a opção de uma visita na fabriqueta que fica dentro do bar, um show a parte...

Aqui o Mestre Cervejeiro explica todas as etapas básicas da fabricação da cerveja. E eu, obviamente pergunto sobre a água. Ele chuta o cano com o pé e diz: vem da tubulação. Retruco se não tem tratamento adicional e ele dispara: para quê? Deixei quieto, afinal eles têm sistema de distribuição de água direto, como nos EUA onde você pode beber direto da torneira.

Poses a parte, esta galera rala o dia todo, e bebe desde cedo na manhã. Sim, eles adora a coisa, é como um esporte nacional beber cerveja.

Fotografei o logo de um projeto em que a 4 Pines está envolvida: levar cerveja e chopeira para a Estação Espacial Internacional a ISS. Será que rola?

Aqui podemos ver uma boa quantidade de equipamento - fermentadores - mas não os únicos, pois no fundo da cervejaria existem vários barris de carvalho e uma pancada de tralhas. Sim, eles envelhecem em carvalho algumas cervejas, e inclusive fabricam aqui e em uma fábrica fora de Sydney para dar conta do recado.
Hora de degustar... Bem, simplesmente excepcionais as cervejas. Guardem dinheiro, venham a Sydney e provem. Só isso.

Foto do Menu super convidativo e com ótimos preços. Have a g'day mate!


De Cinema: Termo Manezinho (como são chamados amigavelmente os nascidos em Florianópolis ou Ilha de Santa Catarina) para designar coisas excepcionais, aplica-se ao vinho, cerveja e tudo mais.

Uso: Este vinho é De Cinema.
Tradução: Este vinho é excepcional.

Apresento aqui um Pão de Gorgonzola para saborear com um vinho branco ou cerveja forte. É uma experiência, portanto na casa de vocês pode sair ligeiramente diferente, porém aqui em casa a receita deu certo, consegui extrair os sabores do Gorgonzola e enjetá-los em um pão integral.



Misture o ovo, leite morno, fermento e gorgozola (picando em pedacinhos para dissolver bem) misturando tudo até dissolver. Adicione a aveia, açúcar, mel e trigo integral e misture.



Macere a massa adicionando farinha de trigo branca ocasionalmente ou trigo integral principalmente caso esteja muito "mole"... Massere e massere. Ao final quando estiver soltando das mãos e do fundo da cuba (inox preferencialmente), unte a mesma e coloque a bola de massa, pouvilhe um pouco de farinha, e cubra com pano úmido por uns 40 minutos - tem de dobrar de tamanho.


Corte em pequenos pedaços o resto do Gorgonzola, abra a massa e coloque os pedaços ao meio. Adicione sal durante a abertura da massa caso ache que a massa está muito doce por conta do açúcar e mel.


Deixe a massa descansar por umas 3 horas sob um pano úmido ou até triplicar de tamanho. Como é verão em Floripa  com temperatura próxima a 35oC levou este tempo todo. Relembrando: como foi um experimento, contei um pouco com as leveduras do queijo para a massa crescer a massa pois não queria um pão estufador.


Aqui a massa grande, crescida acima da borda da forma untada... Faça cortes transversais, ou como preferir, e adicione um pouco de azeite com os dedos sobre massa para dourar no forno.

Aqueça o forno até em fogo médio e deixe por uns 30 minutos, ou até subir o cheiro da massa iniciando a queimar na forma.



Este é o resultado final: um pão bem dourado com sabor azedinho do Gorgonzola, recheio de queijo e bem aerado sem gosto de fermento - tudo devido ao espaçamento de tempo no crescimento da massa.


Este pão ficou muito saboroso, deve ser servido ainda quente ou levemente aquecido. Como se trata de queijo com leveduras não aconselho aguardar fora da geladeira, ou mesmo consumir após um dia.

Como ficou o seu? Comente aqui.

INGREDIENTES:

150g Farinha de trigo Integral
100 g de queijo gorgonzola na massa
1 colher colher de sobremesa de acucar mascavo
1 colher pequena de fermento instantaneo (seco)
150ml de leite morno
2 colheres de sobremesa de aveia de trigo com linhaça dourada
2 colheres de sobremesa de azeite de oliva extra virgem
1 ovo
2 colheres de sobremesa de mel
60g de Gorgonzola no recheio
Farinha de trigo branca para complementar (untar e apenas dar comsistencia)
Pitadas de sal a gosto pois o gorgonzola traz muito sal


Açúcar de Fermentação: Substância presente nas uvas que é, ou deve ser transformado em álcool durante o processo de fermentação alcoólica. No caso de produção de cerveja é oriundo do Malte.


O 1o Wine and Jazz Festival é um evento que congrega música e vinho de qualidade. Com bandas reconhecidas internacionalmente e mais de 100 rótulos escolhidos a dedo dos principais países produtores, este é tido como o maior evento de vinho da América Latina.

O evento ocorrerá em Florianópolis entre 7 a 11 de Janeiro, no Bairro Rio Vermelho no Norte da Ilha, contando com os maiores nomes da atualidade do Jazz, Blues e Bossa Nova internacionais. Serão mais de 30 horas de shows e ainda com preços convidativos e diversos pacotes.



Agenda:

De 7 a 11 de janeiro de 2015 a partir das 18h

Vendas:

BlueTicket, Ingresso Rápido, Pousada Oceanomare, Escola de Música Rafael Bastos, Decanter, Tekoá Turismo Sustentável e Boll Turismo

Como Chegar:

Endereço - Rodovia João Gualberto Soares 5158