Depois de morrer você pode virar bebida, qual seria?

Aproveitando a Sexta-feira 13, trazemos uma inovação Italiana bem macabra: o uso do corpo pós-vida para alimentar uma árvore em crescimento. Bem, nos da Bebideria fomos além, ao melhor estilo Star Trek (que Spoke descance em paz), propomos é transformar nossos cadáveres em plantas que contribuam no processo de fabricação de bebidas!

Macabro? Talvez.
Factível? Muito.

Acompanhe o conceito Capsula Mundi e tire suas próprias conclusões, e no final compartilhe conosco em que planta se "transformaria".


No início pode até parecer cena do filme Cocoon, mas às avessas, ao invés de resgatar os Italianos pretendem é te enterrar mesmo, ao menos morto...

Pegue o corpo, coloque dentro de um invólucro no formato de ovo, e deixe o tempo agir para "transformar" todo o conteúdo biológico em alimento para uma árvore... Conceitualmente a ideia é boa, no entanto queria saber se Governos e Religiosos aceitarão esta aplicação funerária.


Este diagrama demonstra a simplicidade da coisa "Soylent Green". Morreu, encapsula o corpo, pois em teoria ela permite a transformação biológica sem danificar, depois coloque uma muda em cima e deixe o tempo atuar. E porque não? Viramos comida para micróbios, bactérias, vermes, insetos e tudo mais dentro do caixão. Um baita desperdício de matéria orgânica, não acham?


 De todo modo o resultado é interessante, muito verde e nada daquela cacalhada de lápides escaldando embaixo do Sol ou mofando sob a Chuva. Particularmente gostei do cemitério pós-moderno. No meu caso acho que seria um baita limoeiro: fruta ácida, mas que ao adicionar cachaça, açúcar e gelo cai bem.




Apresentação em galeria de arte... Conceitual? Pós Moderno? E você seria o que?

Capsula Mundi no Facebook... Clique aqui.
Capsula Mundi em seu Portal... Clique aqui.
.