Vinho de Borgonha raro é o mais caro do mundo

Este ano, o título de vinho de mais caro do mundo vai para um Richebourg Grand Cru de 1985. Quer tentar adivinhar quanto custa, antes de ler o artigo?

Nada menos que 14.254 euros, por uma garrafa de 750 ml. É este o valor que faz deste Borgonha pouco conhecido o número um da lista anual do site britânico WineSearcher, divulgada este mês. Trata-se de uma criação de Henri Jayer, um produtor considerado "visionário", que morreu em 2006, aos 84 anos.

Em segundo lugar, ficou um Romanée Conti, com um preço médio de 12.141 por garrafa, e em terceiro outro vinho de Henri Jaye, Vosne-Romanée Premier Cru, com uma garrafa a custar 8.063 euros.

Top 50 do WineSearcher  é o resultado da análise dos dados de quase 55 mil listas de preços, num total de 7.3 milhões de ofertas de vinho. 

Mas se os preços do ranking, onde não consta nenhum vinho português, parecem astronómicos, não ficam, no entanto, com o recorde dos mais caros de sempre: O título, nesse caso, vai para um Cheval-Blanc de 1947, arrematado em leilão, na Suíça, por mais de 271 mil dólares.



Fonte: Visão
.