Receita Portuguesa, ora pois!




Cor de amoras, sedoso no balanço, medianamente adstringente no palato, madeira proeminente mas sem atravessar o vinho, e com toques de frutas escuras. Receita tradicional Portuguesa, e para meu paladar está de bom tamanho, difere totalmente dos Chilenos e Argentinos diversas vezes anabolizados pela receita de Robert Parker.




Quinta dos Correios, da região do Dão em Portugal, safra 2013, corte tradicional sem denominar das uvas. TA 13,5%. Dica de uma colega de trabalho, boa pedida Carla!


- Posted using BlogPress from my iPhone
.